Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Notícias > Conif publica nota sobre necessidade de recomposição orçamentária para a Rede Federal
Início do conteúdo da página

Conif publica nota sobre necessidade de recomposição orçamentária para a Rede Federal

Publicado: Quarta, 09 de Agosto de 2023, 15h07 | Última atualização em Quinta, 10 de Agosto de 2023, 17h29 | Acessos: 459

Nesta quarta-feira (9), o Conselho Nacional das Instituições da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica (Conif) divulgou, em seu site oficial, uma nota sobre a necessidade de recomposição orçamentária para a rede. Confira, abaixo, o texto na íntegra:

 

A Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica vem externalizar sua preocupação em relação à proposta orçamentária destinada às nossas instituições para o ano de 2024. Vale destacar que reconhecemos todos os avanços recentes que têm ocorrido para a valorização e priorização da Educação, bem como o comprometimento e deferência do Governo Federal com esta Rede.

No último dia 4 de agosto, a Secretaria de Planejamento e Orçamento do Ministério da Educação divulgou um ofício apresentando uma proposta orçamentária para as unidades que compõem a Rede. No entanto, os valores apresentados estão consideravelmente abaixo das necessidades e expectativas das instituições.

Desde maio, o Conif e seu Fórum de Administração e Planejamento têm se dedicado intensamente à elaboração de uma matriz orçamentária mínima para as instituições da Rede. Adicionalmente, o Conselho tem buscado no Mec, no Ministério da Fazenda e no Parlamento ações para o incremento orçamentário da Rede, que não sofre reajustes desde o ano de 2016. Este esforço visa, entre outras ações, corrigir lacunas na assistência estudantil e nas atividades de ensino, pesquisa, extensão e inovação.

Tais estudos foram devidamente apresentados e discutidos com a comissão paritária, estabelecida pela Portaria 319 de 2021 da SETEC/MEC, assim como com assessores da secretaria executiva do ministério. O objetivo é garantir os recursos orçamentários necessários para o pleno funcionamento das unidades em 2024.

No cenário atual, a proposta de destinar R$ 2,5 bilhões para o Projeto de Lei Orçamentária Anual (PLOA) de 2024, repetindo o valor do ano anterior, resultará na necessidade de complementação orçamentária para mais da metade de nossas instituições. Se tal valor permanecer para o próximo ano, poderá acarretar em prejuízos não somente administrativos, mas principalmente prejudicará o estudante. O Conselho entende que, somente com a garantia de um orçamento de R$ 4,1 bilhões, propostos na matriz Conif, será possível iniciar efetivamente o processo de reconstrução da educação pública federal.

Entendemos que investir na Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica, é investir no futuro dos jovens e na transformação de vidas, ao promover as ações em execução na Rede, com a real ampliação de atendimentos à sociedade brasileira tanto nos processos educacionais, quanto no âmbito social e, igualmente, na ampliação e desenvolvimento dos arranjos produtivos locais.

Confiamos, assim, na sensibilidade e no compromisso do Governo Federal e do Congresso Nacional com a Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica para a reversão desse quadro orçamentário, ao tempo em que expressamos nossa disposição costumeira ao diálogo e trabalho conjunto com o Governo em prol da melhoria da Educação do Brasil.

Brasília, 9 de agosto de 2023.

Conselho Nacional das Instituições da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica (Conif)

Para conferir a publicação original, acesse o site do Conif.

registrado em:
Fim do conteúdo da página