Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

Alunos do Cefet/RJ e da UFRJ vencem pela 2ª vez maratona mundial de inovação

Publicado: Quarta, 29 de Julho de 2020, 15h46 | Última atualização em Quarta, 29 de Julho de 2020, 17h22 | Acessos: 2201

Membros da equipe Corais durante etapa final do IFTP. Fonte: Twitter Texas A&M University Engineering.

Pelo segundo ano consecutivo, alunos do Cefet/RJ e da Coppe/UFRJ conquistam a primeira colocação no desafio internacional Invent for the Planet (IFTP), cujo tema central é resolver os principais problemas que afetam o planeta. Este ano, a equipe Corais, que representou o Brasil e disputou a etapa final com as equipes dos Estados Unidos e da Uganda, conquistou a primeira colocação ao desenvolver um sistema de filtragem para os microplásticos liberados durante a lavagem de roupa. Os alunos pretendem patentear a inovação.

edição 2020 do IFTP contou, no total, com mais de 750 estudantes de graduação e pós-graduação de 20 países. A etapa final da competição, que seria nos Estados Unidos, ocorreu ontem (28) de forma on-line, devido à pandemia de COVID-19. O resultado foi divulgado pela Texas A&M University (EUA), responsável pela organização do evento.

Os estudantes do Cefet/RJ e da Coppe/UFRJ desenvolveram um filtro que utiliza magnetita, um mineral capaz de captar de forma magnética pequenas partículas de plástico geradas durante a utilização das máquinas de lavar, que representa metade dos microplásticos produzidos em residências. Essas micropartículas podem ter espessura menor do que um fio de cabelo e são um grande risco para a microfauna marinha, podendo afetar toda a cadeia alimentar dos oceanos. 

"É reconfortante ver que o Cefet/RJ e a UFRJ têm ótimos estudantes e servidores, que não deixam nada a desejar perante instituições do mundo todo", disse o professor do Cefet/RJ Pedro Manuel Pacheco, que coordenou a etapa local do Invent for the Planet 2020, no Rio de Janeiro, junto com o professor Marcelo Savi, da Coppe e da Escola Politécnica da UFRJ.

A equipe durante a etapa local do IFTP 2020, em fevereiro. Da esq. para dir.: Samuel Breves (Cefet/RJ), Dimitri Costa (Coppe/UFRJ), João Lucas Barbosa (Cefet/RJ) e Larissa Fonseca (Coppe/UFRJ). Fonte: Coppe/UFRJ.

O IFTP é um evento colaborativo, onde os participantes interagem com equipes de outros países para desenvolver em 48 horas propostas que são avaliadas por um comitê internacional de juízes. O desafio tem objetivos acadêmicos, como o desenvolvimento da capacidade empreendedora, criativa e inovadora nos alunos. Em 2019, a equipe Tupã, também composta por alunos do Cefet/RJ e da UFRJ, foi a vencedora ao criar um sistema composto por um boné e um bastão equipados com sensores para auxiliar pessoas com deficiência visual.

Expin48 edição 2020

Baseado no Invent for the Planet, em 2019 o Cefet/RJ realizou o Expin48 – Experiência de Inovação em Projetos. O evento possui formato similar, mas com o objetivo de intensificar a interação dos três níveis de ensino do Cefet/RJ. As equipes são formadas por estudantes do médio/técnico, da graduação e da pós-graduação e são desafiadas a desenvolver soluções tecnológicas inovadoras em 48 horas.

Em 2020, o evento está previsto para ser realizado on-line. As informações sobre inscrições serão divulgadas em breve. 

 

 

 

 

registrado em:
Fim do conteúdo da página