Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Notícias > Cursos de Engenharia do Cefet/RJ se destacam em avaliação do MEC
Início do conteúdo da página

Cursos de Engenharia do Cefet/RJ se destacam em avaliação do MEC

Publicado: Sexta, 20 de Maio de 2022, 16h46 | Última atualização em Sexta, 20 de Maio de 2022, 21h40 | Acessos: 1221

Dois cursos da área de Engenharia do Cefet/RJ foram avaliados pelo Ministério da Educação (MEC) para a obtenção do Conceito de Curso (CC). Entre os dias 25 e 27 de abril, por meio de visita virtual, a comissão de especialistas do MEC analisou o curso de Engenharia Ambiental, ofertado pela Unidade Maracanã, e concedeu a pontuação máxima – em uma escala que vai de 1 a 5. Já o curso de Engenharia Elétrica, da Uned Angra dos Reis, foi vistoriado no início do mês de maio e conquistou a nota 4 no mesmo processo avaliativo.

O relatório com os resultados já foi publicado pelo MEC e, em breve, o órgão deve emitir uma portaria com o reconhecimento dos cursos. A avaliação tem por objetivo verificar as condições de oferta de cada uma das Engenharias e comparar as informações divulgadas pela instituição com as efetivamente encontradas pela comissão no momento da visita. Para aplicar o resultado, os profissionais do MEC consideram três dimensões: a organização didático-pedagógica dos cursos, o corpo docente e a infraestrutura ofertada aos alunos.

O diretor-geral do Cefet/RJ lembrou que essa é mais uma conquista da instituição em pouco tempo. No início do ano, o curso de Engenharia de Produção ofertado na modalidade de ensino a distância (EAD) também já havia recebido a nota máxima do MEC. “Antigamente nossos cursos, em média, eram avaliados com nota 3, que é razoável. Em 10 anos, já migramos para média 4 e agora já estamos obtendo notas de excelência na maioria das avaliações. Educação se faz com planejamento de longo prazo”, explicou o diretor.

A vice-diretora-geral da instituição destacou que o processo de avaliação é sempre bem-vindo ao Cefet/RJ, por estar relacionado à melhoria da qualidade, e parabenizou toda a equipe neste trabalho. “A conquista é fruto de uma mobilização conjunta de servidores, que auxiliaram na parte de documentação, produção do vídeo, apoio aos laboratórios, biblioteca e informática. É um orgulho perceber a união da comunidade acadêmica”, comemorou a docente.

Engenharia Ambiental atinge nota máxima em pouco tempo

O curso de Engenharia Ambiental teve início no segundo semestre de 2016 e é o mais novo da área na Unidade Maracanã. Atualmente, são ofertadas 80 vagas anuais e há mais de 400 alunos matriculados. Para a vice-diretora-geral, a conquista teve grande colaboração das professoras Maria Cristina Soares, Sinai Silva e Teresinha Effren, profissionais que contribuíram para a criação do curso: “Foram três grandes mulheres que trabalharam arduamente na implantação de Engenharia Ambiental no Cefet/RJ e, infelizmente, nos deixaram precocemente. Tenho certeza de que elas estariam muito felizes com o resultado”, finalizou.

Já a coordenadora do curso mencionou que o resultado deve ser exaltado devido à dificuldade de conseguir boas notas nessas avaliações de reconhecimento. “O processo estabelecido pelo MEC ocorre no período de formatura da primeira turma e ainda não se tem experiência. Cumprir requisitos ratificados pelo crivo do Ministério da Educação significa que o Cefet/RJ tem condições ideais de formação para o aluno em todos os aspectos”, afirmou a docente.

  

Laboratórios que contribuíram para a conquista da nota máxima obtida pelo curso de Engenharia Ambiental, da Unidade Maracanã

Engenharia Elétrica da Uned Angra atende à alta demanda por profissionais qualificados na região

Diante do potencial produtivo da região da Costa Verde, no Rio de Janeiro, o curso de Engenharia Elétrica da Uned Angra dos Reis foi implantado no segundo semestre de 2015 com a proposta de suprir a falta de profissionais qualificados em setores como o eletroenergético, petroquímico, siderúrgico e naval.  De acordo com o coordenador, é o único curso gratuito em nível de graduação na área de Engenharia Elétrica em toda a região, e, embora a oferta de vagas seja recente, todos os formados atuam no mercado de trabalho e alguns já cursam pós-graduação.

Sobre a avaliação do MEC, o coordenador destacou a experiência enriquecedora para a comunidade acadêmica. Segundo ele, o curso atingiu a excelência em diversos indicadores avaliados, faltando muito pouco para conquistar o conceito 5. “Alcançamos a nota máxima em quase metade dos 32 indicadores, que resultaram no conceito final contínuo 4,45, que é classificado como conceito 4. A nota obtida neste reconhecimento de curso nos mostra que estamos seguindo no caminho certo”, destacou o docente.

Laboratórios utilizados pelos alunos do curso de Engenharia Elétrica da Uned Angra dos Reis

 

registrado em:
Fim do conteúdo da página